Organização estima 60 mil visitantes em nove dias de Flipoços

Terminou no domingo, 6, a sétima edição do Festival Literário de Poços de Caldas, que contou com dezenas de palestras com escritores e acadêmicos renomados do cenário nacional. Todas atraíram excelente público e despertaram interesse massivo da imprensa do eixo Rio-São Paulo, entre jornais, revistas, emissoras de rádio e TV.

Nomes como os dos escritores Zuenir Ventura, Luiz Fernando Veríssimo, do filósofo, escritor e colunista da “Folha de S. Paulo”, Luiz Felipe Pondé, do jornalista e âncora do Jornal do SBT, Rodolpho Gamberini, dos cartunistas Paulo Caruso e Caco Galhardo, do desenhista e arte-educador Daniel Azulay, além dos presentes em temáticas não propriamente literárias atraíram grande público à Urca.

Durante os noves dias da já considerada maior festa literária do Sul de Minas (e uma das maiores do Brasil) – a circulação de público pelo espaço da Feira Nacional do Livro, com mais de 80 expositores (estandes de livrarias, editoras e entidades educacionais e culturais), proporcionou um volume de negócios e vendas de livros, segundo levantamentos iniciais, superiores aos registados na edição do ano passado. Os participantes que adquiriram os livros, e solicitaram o CPF na Nota, poderão retirar os créditos da Nota Fiscal Paulista. A GSC Eventos estima um público de 60 mil pessoas e mais de R$ 400 mil em negócios realizados pelos expositores, além do grande movimento circulante na economia da cidade.

PRÓXIMA EDIÇÃO

Para 2013, alguns temas já estão pré-definidos, entre eles o central: “A Imortalidade da Literatura – O Legado dos nossos Escritores Imortais”, cuja homenagem principal será à Academia Brasileira de Letras e seus imortais. Segundo Gisele Ferreira, da GSC Eventos, empresa realizadora do evento, muitas novidades já estão sendo preparadas para 2013 e serão anunciadas em breve.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *