Como Dar Entrada No Seguro Desemprego Pela Internet

No artigo de hoje vais aprender a Como dar entrada no seguro desemprego pela internet com o nosso guia completo.

O trabalhador poderá fazer o pedido imediatamente pela internet, por onde ele já irá preencher o formulário que hoje é respondido no Sine. O prazo de 30 dias para receber o benefício começará a contar a partir deste momento.

Este procedimento deve ser realizado de 7 a 120 dias após a demissão. Quando realizado o cadastro na plataforma e aprovado, o repasse do valor será feito pelo banco responsável, no caso a Caixa Econômica Federal.

Como dar entrada no Seguro Desemprego pela internet

A boa notícia é que agora é possível dar entrada no seguro desemprego pela internet. Agora, todas as etapas poderão ser 100% online sem necessidade de sair de casa. Ter que ir a uma unidade do Sine só será necessária em caso de pendências ou divergências cadastrais.

O governo mantém desde 2018, uma ferramenta completamente digital que possibilita fazer a solicitação do seguro-desemprego online.

No site, os trabalhadores que foram demitidos sem justa causa podem dar entrada no seguro desemprego pela internet. É necessário apenas ter em mãos o número do requerimento do seguro. Este dado está presente no documento entregue pelo empregador na hora do desligamento da empresa.

Como dar entrada no seguro desemprego pela internet pelo Portal Emprega Brasil;

Entrada no Seguro Desemprego pela internet
Entrada no Seguro Desemprego pela internet
  1. Acesse o Portal Emprega Brasil (empregabrasil.mte.gov.br);
  2. Clique em Cadastrar no menu à esquerda do site;
  3. Preencha o formulário com os seus dados;
  4. Assim que o acesso for liberado, vá até à opção do seguro-desemprego;
  5. O próximo passo consiste em preencher um formulário de oito etapas com questões sobre atividades laborais, formação acadêmica e experiência profissional.

No cadastro, você deve ter a Carteira de Trabalho (CTPS) e outros documentos em mãos, pois o procedimento só prosseguirá se o cidadão acertar pelo menos quatro das cinco questões iniciais. Se não conseguir, terá que esperar 24 horas para realizar outra tentativa ou entrar em contato com o INSS pelo número 135.

Este procedimento passa por uma análise de risco, “com mecanismos de inteligência avaliando se o requerimento pode ser concedido ou se é preciso ir ao posto para complementar alguma informação”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *